Polícia americana liga para polícia brasileira e consegue impedir vítima que iria transmitir suicídio no facebook


Um homem de 40 anos pretendia tirar a própria vida e fazer a transmissão do ato ao vivo, no Facebook. Na madrugada da quarta-feira (8/3) a polícia brasileira, em comunicação com a americana, conseguiu impedir o suicídio, que aconteceria em Santa Catarina.
Desde que o recurso de “lives” foi disponibilizado no Facebook, a empresa monitora os usuários. Através do serviço, eles identificaram que o homem tinha feito postagens com conteúdo depressivo e suicida. Além disso, ele também fez um vídeo dando sinais de que tiraria a vida nas próximas duas horas.
As informações foram repassadas à Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina, que acionou o Corpo de Bombeiros e foi até a casa do suspeito. Ao chegar no local, todo o plano foi confirmado. O homem foi atendido, levado ao hospital e devidamente medicado. A identidade do brasileiro não foi revelada, mas a polícia confirmou que ele está desempregado e a esposa está esperando o quarto filho da família.
O fato que ocorreu em Março começou a circular com mais força agora, quando usuários da rede fizeram uma campanha incentivando denuncias através da ferramenta do Facebook para evitar que casos como esse aconteçam.
Fonte: Metropoles