Ônibus formam ‘colchão’ para evitar que mulher se jogue de viaduto no DF

Motoristas de seis ônibus formaram uma espécie de colchão com os veículos debaixo de viaduto de Taguatinga, no Distrito Federal, para “amortecer” a queda de uma mulher que tinha intenção de saltar no local. A “rede” de coletivos foi formada após ideia de policiais militares que identificaram a situação.
Os militares começaram a conversar com a mulher e tentaram convencê-la a não se jogar da estrutura. Por segurança, eles fecharam o trânsito na via debaixo do viaduto e orientaram os motoristas a posicionar os coletiivo.
“Ela estava na ponta dos pés, quase se jogando. Aí tivemos a ideia de colocar os ônibus embaixo para amortecer a queda”, diz o tenente da PM João Gabriel Silva. “O trânsito já estava fechado, então a gente pediu para os motoristas estacionarem lá.”
A mulher foi retirada do local quando acabou se desequilibrando e foi puxada por um policial. Em seguida, homens do Corpo de Bombeiros a levaram para o Hospital Regional de Taguatinga (HRT).
Fonte: http://g1.globo.com