Mãe descobre morte da filha após ver mensagens de luto no Facebook

"Lembro de ter visto muitas mensagens de 'descanse em paz'", conta Deborah em entrevista publicada pelo Mirror. "Eu não podia acreditar que havia ficado sabendo da morte da minha filha através do Facebook".
No entanto, a mãe só entendeu o que havia acontecido quando uma amiga de 
Filha e mãe em foto de rede social (Foto: Reprodução/Facebook)
A britânica Deborah Byrne, de 47 anos, estava tomando um chá enquanto navegava pelo Facebook, quando mensagens confusas começaram a aparecer em seu feed: amigos da sua filha Brogan Warren, de 21, lamentavam que ela tivesse "partido tão cedo". E foi assim que ela descobriu que a jovem havia morrido.
Brogan enviou uma mensagem de condolências e explicou o que tinha acontecido. "Ela me disse que tinha ocorrido um terrível acidente na noite anterior, em 22 de maio [de 2016], e que ela estaria lá para o que eu precisasse. Foi aí que eu comecei a gritar. A ficha tinha caído: Brogan estava morta. Meu coração se partiu naquele momento".
Desesperada, Deborah e os familiares viveram momentos de agonia ao tentar obter informações com a polícia. A resposta - e a confirmação da morte de Brogan - veio à tarde.
Além dela, outros três jovens que estavam no carro também morreram ao colidirem com outro veículo em Oxfordshire (Inglaterra), no final da noite. Durante a madrugada, policiais foram à casa dos familiares dos jovens, mas justamente a mãe de Brogan não atendeu o chamado.
No enterro de Brogan, amigos e familiares colocaram flores e jogaram gliter sobre o caixão dela. "Ela tinha um espírito tão livre, acho que teria optado que fosse assim. Mas eu não queria ver aquilo como um funeral, mas como um festival da vida dela".
Brogan em foto postada em rede social (Foto: Reprodução/Facebook)