Depois de ES; possível paralisação da PM chega no Rio nesta sexta

Resultado de imagem para caos no rio


Segundo o Jornal Destaque Baixada teve acesso com exclusividade anunciando que familiares de policiais militares, irão protestar em diversos batalhões do Rio e da Baixada Fluminense. O protesto tá marcado para as 6h desta sexta-feira (10) na frente dos batalhões da Polícia Militar. Revindicando reajuste salarial e pagamento de benefícios, eles irão bloquear a saída de viaturas e PMs. 

O ato ganhou força depois de PMES aderirem a greve no Espirito Santo. A cidade virou um caos após a greve dos agentes. "Irei me jogar na frente e não irei sair, já chega, não dá mais para suportar o descaso deste desgoverno", contou uma liderança, esposa de um Policial militar. 

Outra liderança alega que sua mesa tá vazia, "Estamos vivendo o pior momento de tudo, falta tudo aqui em casa, meu marido vai as ruas enquanto os bonitos andam de helicópteros", finalizou. Uma outra enfatiza, "Dia 10 será o dia D, os direitos humanos defendem tantos os bandidos, agora eu quero ver".

Além do reajuste salarial, os familiares pedem..

 Salário em Dia
 13° Salário
 Ras olímpico
 Metas
 Insalubridade
 Periculosidade
 Adicional Noturno
 Não ao Congelamento Salarial 
 Não a cota extra para a previdência
10° Escala 12x48 ou 24x72, Também são denunciados o sucateamento da frota e falta de perspectiva de carreira.

Protestos confirmados

Os protestos desta Sexta-feira (10) acontecem em todo o Rio de Janeiro contanto com a Baixada Fluminense. Estão confirmados os Batalhões..

15º BPM

Duque de Caxias e Campos Elísios (1ª Companhia); Imbariê (2ª Companhia), Santa Cruz da Serra (3ª Companhia) e Xerém (4ª Companhia).

20º BPM

Municípios de Nova Iguaçu, Nilópolis e Mesquita.

21º BPM

Município de São João de Meriti

24º BPM

Municípios de Queimados, Japeri, Paracambi , Seropédica e Itaguaí.

34º BPM

Magé e Guapimirim.

39º BPM

Belford Roxo.