Policial rodoviário morre atropelado após sair do serviço em Campinas

Reginaldo era policial rodoviário e morreu atropelado em Campinas (Foto: Reprodução / Facebook)

Um policial rodoviário morreu atropelado na madrugada desta sexta-feira (25) em frente à base da corporação em Campinas (SP) na Rodovia dos Bandeirantes. Reginaldo Moreira Pereira da Silva estava fardado, tinha acabado de sair do serviço na Operação Verão e se preparava para voltar para casa.

De acordo com a Polícia Rodoviária, Reginaldo desceu de um ônibus que vinha da baixada santista, onde estava trabalhando, e atravessou a pista para pegar o carro que estava estacionado na base. O acidente ocorreu na altura do km 84 + 500, às 1h35.

Ele foi atingido por um veículo modelo Polo na primeira faixa da via, no sentido interior do estado. Segundo a corporação, o carro estava em velocidade compatível com a rodovia, farol aceso e o motorista, que não estava embriagado, prestou socorro e avisou os demais policiais que estavam na base.

O policial foi socorrido pela equipe de resgate da concessionária Autoban, que administra o trecho, mas não resistiu aos ferimentos.

Reginaldo era policial desde 1996 e tinha 40 anos de idade. Era casado e tinha filhos. O velório e o sepultamento acontecerão no Cemitério dos Amarais, em Campinas.